Willian retribui elogios de Hiddink e festeja fase artilheira: ‘Sempre me cobrei a fazer mais gols’

“Willian é muito talentoso. Seus pés são como mãos! Ele pode fazer qualquer coisa com a bola, é muito legal vê-lo jogar.” A frase pertence a ninguém menos que Guus Hiddink, renomado técnico holandês que comanda o Chelsea desde dezembro de 2015. Um dia depois de receber tais elogios, o meia-atacante Willian retribuiu em campo. Na goleada do Chelsea por 5 a 1 sobre o Manchester City, no último domingo, em Londres, o atleta brasileiro voltou a se destacar, fez um gol e ajudou sua equipe a avançar para as quartas de final da Copa da Inglaterra, a tradicional FA Cup.

Willian, realmente, vive um momento iluminado. Nos últimos 35 jogos que disputou (31 pelo Chelsea e quatro pela Seleção Brasileira), o meia-atacante marcou 12 gols (dez pelos Blues e dois pelo time verde-amarelo) e deu cinco assistências (quatro pelo clube inglês e outra pela equipe nacional). A boa fase não é à toa: o jogador admite que tem trabalhado muito para obter números cada vez mais expressivos.

“Estou me sentindo muito bem. Eu sempre me cobrei a fazer mais gols, e essa temporada vem sendo importante, porque venho balançando as redes e conseguindo ajudar o Chelsea. Espero continuar assim por muito mais tempo, fazendo gols e colaborando com vitórias da equipe”, afirma Willian, que, desde que chegou aos Blues, em agosto de 2013, já anotou 18 gols e deu 15 assistências, em 128 partidas disputadas.

Willian aproveitou também para agradecer os elogios do técnico Guus Hiddink. Eles já haviam trabalhado juntos no início de 2013, pelo Anzhi Makhachkala, clube do Daguestão que disputa o Campeonato Russo.

“Ouvir um elogio desse é sempre muito bom. Fico muito feliz mesmo. Eu já tive a oportunidade de trabalhar com ele no Anzhi, é um cara pelo qual tenho muito respeito e admiração. Trata-se de uma ótima pessoa e um excelente profissional. É gratificante ouvir elogios de um treinador que já tem uma história no futebol”, diz Willian.

O próximo adversário do Chelsea na Copa da Inglaterra será o Everton, em duelo único pelas quartas de final, que será realizado na casa do rival, em Liverpool, no dia 12 de março. O camisa 22 dos Blues já prevê um confronto muito complicado.

“Demos um passo importante, fizemos um grande jogo contra o City e conseguimos avançar de fase. Agora vamos ter outra parada muito dura contra o Everton e teremos de lutar muito pela vitória, mesmo atuando fora da casa”, declara Willian.

Share Button