Antes de se apresentar à Seleção Brasileira, Willian brilha e faz golaço na Inglaterra

Eleito o melhor jogador do Chelsea na última temporada, o meia-atacante Willian tem mantido a média de boas atuações pelo time londrino. Na manhã deste sábado, o camisa 22 anotou um golaço na vitória dos Blues por 2 a 0 sobre o Hull City, fora de casa, pela sétima rodada do Campeonato Inglês – o outro gol da partida foi anotado pelo brasileiro naturalizado espanhol Diego Costa.

“Essa vitória foi muito importante para a nossa equipe, nos dá confiança e nos mantém na parte de cima da tabela, na luta pelas primeiras posições”, comemorou Willian, que já anotou dois gols na atual temporada – o outro aconteceu na vitória sobre o Burnley, por 3 a 0, pela terceira rodada do Inglês.

O brasileiro demonstrou, mais uma vez, ser um atleta capaz de atuar em diversas funções do meio para a frente. Neste sábado, ele atuou mais centralizado, com liberdade para flutuar pelos lados do campo e também para auxiliar Diego Costa no ataque. Até então, com o técnico italiano Antonio Conte, Willian vinha atuando aberto pela direita.

“Eu me sinto muito bem jogando assim, acredito que dessa forma consigo criar mais jogadas e também partir para cima dos adversários, arrancando, driblando e chutando. Mas estou à disposição do treinador para atuar da forma que ele preferir. Espero continuar evoluindo a cada jogo”, afirmou Willian.

Na primeira etapa do confronto com o Hull City, o camisa 22 já havia se destacado ao comandar lances de ataque, criar a chance mais perigosa da equipe e, como de costume, ser o homem das bolas paradas do time. Porém, foi no segundo tempo que a classe do brasileiro ficou evidente mais uma vez. Aos 16 minutos, Willian recebeu a bola um pouco antes da entrada da área, deu um drible desconcertante no adversário e, com muita categoria, bateu colocado no ângulo do goleiro do Hull City, que nada pôde fazer a não ser olhar a bola estufando a rede.

“Na época do Shakhtar eu fiz vários gols dessa forma, mas fazia muito tempo que eu não fazia um gol assim. O fato de jogar nessa posição, tendo bastante liberdade para me movimentar, e trocar muitas vezes de posição com o Diego e com o Hazard, ajudou muito”, destacou Willian.

Pouco depois do gol do meia-atacante, o Chelsea ampliou o marcador com Diego Costa, aos 22 minutos. Daí por diante, Willian seguiu incomodando a zaga rival com sua agilidade e habilidade e, inclusive, foi derrubado na área em lance claro de pênalti, que não fora assinalado pelo árbitro. De fato, o camisa 22 mostrou que também pode ser importante nesta função, mais centralizado. 

Willian está no Chelsea há três anos e computa 146 jogos pelo clube, com 21 gols marcados e 18 assistências – na atual temporada são seis jogos oficiais e dois gols marcados. O brasileiro, que tem contrato com os ingleses até 2020, já foi campeão do Campeonato Inglês e da Copa da Liga Inglesa, ambos na temporada 2014/2015.

Agora, Willian retorna ao Brasil para se apresentar à Seleção Brasileira, que juntará a delegação em Natal, no Rio Grande do Norte, na noite deste domingo, para começar os preparativos para o jogo contra a Bolívia, pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo, na próxima quinta-feira, às 21h45. Na sequência, o meia-atacante viaja com os companheiros para Mérida, na Venezuela, para enfrentar a seleção local, também em jogo das Eliminatórias, no próximo dia 11. Pela Seleção Brasileira, Willian já disputou 40 partidas, marcou seis gols e deu sete assistências.

Share Button