Carregando Eventos

« Todos Eventos

Casemiro: Betis x Real Madrid

setembro 26 @ 16:00

  • Casemiro tem 241 jogos pelo Real Madrid (156 pelo Campeonato Espanhol, 52 pela Liga dos Campeões da Europa, 20 pela Copa do Rei, 3 pela Supercopa da Europa, 6 pelo Mundial de Clubes da Fifa e 4 pela Supercopa da Espanha), 23 gols, 18 assistências e 14 títulos (Supercopa da Espanha 2017 e 2019/2020, Campeonato Espanhol 2016/2017 e 2019/2020, Mundial de Clubes da Fifa 2016, 2017 e 2018, Supercopa da Europa 2016 e 2017, Liga dos Campeões da Europa em 2013/2014, 2015/2016, 2016/2017 e 2017/2018, e Copa do Rei 2013/2014);
  • Casemiro tem 156 jogos em La Liga pelo Real Madrid e conta com ótimo aproveitamento de 75% dos pontos disputados (109 vitórias, 24 empates e 23 derrotas). Além disso, o volante também já marcou 17 gols e deu 10 assistências em jogos desta competição. Ele é bicampeão espanhol (2016/2017 e 2019/2020);
  • Casemiro é o terceiro brasileiro com mais jogos na história do Real Madrid (desconsiderando Pepe, que é naturalizado português), com 241 atuações, ficando atrás apenas do ex-lateral Roberto Carlos, que jogou 527 partidas, e do atual companheiro Marcelo, que soma 509 jogos;
  • Na temporada 2019/2020, Casemiro esteve em campo em nada mais nada menos que 88,3% dos minutos disputados pelo Real Madrid somando La Liga, Champions League, Copa do Rei e Supercopa da Espanha. Titular em 46 dos 51 duelos do time merengue (35 no Espanhol, 8 na competição europeia, 1 na Copa do Rei e 2 na Supercopa da Espanha), o volante brasileiro jogou o tempo todo em 42 destas partidas e só fora substituído em quatro delas – fora poupado contra o Valencia (La Liga), Zaragoza e Real Sociedad (Copa do Rei), e esteve suspenso contra o Athletic Bilbao e Mallorca (La Liga). Ou seja, ele jogou 4.081 dos 4.620 minutos possíveis;
  • É campeão! No caso de Casemiro, bicampeão. No último dia 16/7, o Real Madrid venceu o Villarreal, por 2 a 1, no estádio Alfredo Di Stéfano, e com uma rodada de antecedência confirmou o título de La Liga 2019/2020, emplacando o 10º triunfo seguido após a retomada da competição;
  • O volante brasileiro, um dos destaques do time merengue na campanha vitoriosa, alcançou seu segundo título de La Liga, já que havia conquistado o troféu também na temporada 2016/2017. Titular em 35 das 38 partidas da equipe nesta edição do torneio, o camisa 14 jogou os 90 minutos em incríveis 33 jogos – ele só ficou fora de três duelos, dois cumprindo suspensão e um poupado por Zinédine Zidane. Na trajetória do título, Casemiro marcou quatro gols e deu três assistências;
  • Dois dos principais sites de estatísticas (WhoScored e SofaScore) apresentam dados que corroboram a importância do volante na campanha vitoriosa. Afinal, em La Liga 2019/2020, ele foi o jogador com segundo maior rating (notas médias por atuação) da competição, com 7,47, ficando atrás apenas de Messi 8,71. Além disso, foi o atleta com mais desarmes no torneio, com 96, e o líder nas interceptações, com 68;
  • Outra situação muito relevante na conquista aconteceu nos confrontos diretos contra o arquirrival Barcelona, preponderantes para a conquista do troféu espanhol, visto que o Real Madrid empatou por 0 a 0 no Camp Nou, no primeiro turno, com Casemiro sendo o ‘King of The Match’ (Rei da Partida), na avaliação da organização de La Liga, e venceu o clássico por 2 a 0 no returno, no Santiago Bernabéu, com outra jornada inspirada do brasileiro, que fora muito elogiado pela imprensa da Espanha na ocasião;
  • Com a camisa merengue, Casemiro já disputou 52 partidas em edições da Liga dos Campeões da Europa e obtém 70% de aproveitamento dos pontos (34 vitórias, 8 empates e 10 derrotas). Na edição 2019/2020 ele disputou 8 partidas, marcou 1 gol e deu 1 assistência;
  • Com quatro títulos da competição no currículo (2013/2014, 2015/2016, 2016/2017 e 2017/2018), Casemiro perdeu apenas dois mata-matas pelo time merengue na Liga dos Campeões. Nos 17 duelos eliminatórios que participou, a equipe venceu 15;
  • É tetra! Casemiro se transformou no jogador brasileiro com mais títulos da Liga dos Campeões da Europa, ao lado de Marcelo, com quatro conquistas, ao ajudar o Real Madrid a vencer o Liverpool, por 3 a 1, na decisão da temporada 2017/2018, disputada em Kiev, no dia 26 de maio de 2018. Considerado talismã do time merengue, o brasileiro foi mais uma vez essencial na conquista da Orelhuda, ao jogar 12 das 13 partidas no torneio;
  • Em 8 temporadas defendendo as cores do Real Madrid, Casemiro já enfrentou o arquirrival Barcelona em 14 partidas e detém aproveitamento de 45% dos pontos disputados. Até aqui, foram cinco vitórias do time merengue no ‘El Clásico’ com Casemiro em campo, quatro empates e cinco derrotas. De quebra, em duas oportunidades estes duelos foram decisões e em ambas o Real Madrid se sagrou campeão – Copa do Rei 2013/2014 e Supercopa da Espanha 2017;
  • Mesmo sendo volante, Casemiro já marcou 23 gols com a camisa do Real Madrid e muitos deles foram importantes. Por exemplo, o brasileiro já marcou gol em final de Liga dos Campeões da Europa, contra a Juventus, na temporada 2016/2017, já anotou gols contra os principais rivais dos merengues (Barcelona e Atlético de Madrid), já fez gol em final de Supercopa da Europa contra o Manchester United, além de um golaço contra o Napoli, no mata-mata das oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa 2016/2017, inclusive, tendo sido eleito como o 2º mais belo daquela edição pelos observadores técnicos da UEFA;
  • Titular da equipe do técnico Tite, Casemiro se sagrou campeão da Copa América 2019, no dia 7 de julho, ao jogar os 90 minutos no triunfo sobre o Peru, por 3 a 1, no Maracanã. Na campanha vitoriosa, o volante atuou em 5 das 6 partidas da Seleção Brasileira, ficando fora apenas das quartas de final, contra o Paraguai, por estar suspenso. No torneio ele marcou seu primeiro gol com a camisa brasileira, contra o Peru, na goleada por 5 a 0, ainda na fase de grupos;
  • Casemiro viveu um dia especial em 22 de junho de 2019. No dia em que completou 400 jogos como atleta profissional, o volante marcou seu primeiro gol com a camisa da Seleção Brasileira, na goleada sobre o Peru, por 5 a 0, pela última rodada da fase de grupos da Copa América, na Arena Corinthians;
  • Pelo time principal do Brasil, o volante soma 46 jogos (35 com Tite, seis com Dunga e cinco com Mano Menezes), 3 gols (Peru, na Copa América 2019, e Colômbia e Nigéria, em amistosos em 2019) e 2 assistências (Croácia em amistoso em 2018 e Panamá em amistoso em 2019). Ele faturou os títulos da Copa América 2019 e do Superclássico das Américas, em 2011 e 2018, ambos em cima da Argentina;
  • O aproveitamento de Casemiro com a camisa da Seleção Brasileira é muito positivo: 77% dos pontos disputados – em 46 jogos foram 32 vitórias, 10 empates e apenas 4 derrotas;
  • Casemiro já foi quatro vezes capitão da Seleção Brasileira. A primeira foi no empate contra a Bolívia, por 0 a 0, em La Paz, pelas Eliminatórias, em 5 de outubro de 2017. A segunda foi no empate no amistoso contra o Panamá, por 1 a 1, no Porto, em 23 de março de 2019. A terceira fora na vitória contra a República Tcheca, por 3 a 1, em amistoso disputado em Praga, no dia 26 de março de 2019. E a quarta aconteceu na derrota para o Peru, por 1 a 0, em amistoso disputado em Los Angeles, no dia 10 de setembro de 2019;
  • Casemiro disputou a Copa do Mundo de 2018, na Rússia, com a Seleção Brasileira. Na ocasião, o volante foi titular nos quatro primeiros jogos do Brasil (três vitórias e um empate) e, por conta do acumulo de cartões amarelos, ficou fora do jogo que causou a eliminação brasileira, nas quartas de final, contra a Bélgica.

ESTATÍSTICAS DO CASEMIRO

Carreira

Jogos: 454

Gols: 42

Assistências: 39

Real Madrid CF (Espanha)

Jogos: 241

Gols: 23

Assistências: 18

Seleção Brasileira

Jogos: 46

Gols: 3

Assistências: 2

FC Porto (Portugal)

Jogos: 41

Gols: 4

Assistências: 4

Real Madrid Castilla CF (Espanha)

Jogos: 15

Gols: 1

São Paulo FC (Brasil)

Jogos: 111

Gols: 11

Assistências: 15

Share Button

Detalhes

Data:
setembro 26
Hora:
16:00
Evento Tags:
, ,

Local

Benito Villamarín, Sevilla
Spain
Back to Top